Técnicos de Confiança, Itabaiana e Sergipe festejam exigências da CBF | Esporte levado a sério!
Fique ligado!
Técnicos de Confiança, Itabaiana e Sergipe festejam exigências da CBF

Técnicos de Confiança, Itabaiana e Sergipe festejam exigências da CBF

A partir desta segunda-feira os clubes que disputam o Campeonato Brasileiro das Séries A, B, C e D terão que registrar o contrato de seus treinadores. Os técnicos terão mais benefícios, como previdência e seguro de vida, assegurados pelo órgão máximo do futebol nacional.

A decisão da CBF agradou aos três treinadores que comandam equipes sergipana que vão disputar os torneios nacionais. Betinho (Sergipe), Leandro Sena (Confiança) e Ailton Silva (Itabaiana) entendem como um avanço para o crescimento da profissão.

Comandante técnico do Confiança no Campeonato Brasileiro da Série C, Leandro Sena afirma que é um avanço quanto aos direitos dos treinadores, mas acha que não vai mudar a cultura dos resultados.

- Com certeza um grande avanço para toda a categoria! Mas ainda precisamos aprovar a lei em Brasília. A luta esta apenas começando! Só não acredito que vai acabar com a pressão por resultados, é nossa cultura futebolística ser movido por resultados e não pelo trabalho realizado. Com relação a isso ainda acho que vamos ter que caminhar para essa mudança de postura com relação ao trabalho. A tranquilidade ao trabalho estará relacionada aos resultados! Porém, com relação aos direitos do treinador, acho que será respeitado e assegurado – disse Leandro Sena.

Leandro Sena, técnico do Confiança (Foto: Osmar Rios / GloboEsporte.com)
Sena não acredita em mudança de cultura de resultados, mas festeja direitos assegurados (Foto: Osmar Rios)

No comando do Sergipe, que vai disputar o Campeonato Brasileiro da Série D, Betinho lembrou que existe o projeto de Lei (7560/14) para ser aprovado no Congresso Nacional e que umas das exigências é justamente o registro dos contratos.

- No final do ano passado fiz o curso na CBF, lá tinha em torno de 70 treinadores e discutimos um projeto de lei de 2014 (7560/14), que está para ser aprovado e a partir deste curso ouve um envolvimento muito grande. A CBF está dando o primeiro passo, obrigando os clubes a registrar o contrato dos treinadores e isso para nós é muito importante. É uma segurança e uma garantia de que você vai ter os seus direitos respeitados, o que dá uma tranquilidade muito maior. A gente espera que o Brasil todo adote esta postura e quem ganha com isso é o futebol brasileiro – afirmou Betinho.

Betinho; Sergipe; João Hora (Foto: Osmar Rios / GloboEsporte.com)
Betinho afirma que medida deve ser para todos os clubes (Foto: Osmar Rios / GloboEsporte.com)

Ailton Silva, técnico do Itabaiana, que também vai disputar o Campeonato Brasileiro da Série D, lembrou a família do técnico Caio Júnior, que morreu no acidente aéreo da Chapecoense na Colômbia e que sua família não os mesmos direitos dos jogadores, por não ter o contrato registrado na CBF.

- É um passo muito importante, estamos lutando por isso já tem um tempo e principalmente depois do acidente da Chapecoense, aonde quem não tinha o contrato com a CBF ficou desamparado, como foi a família do Caio Júnior. A nossa categoria esta se unindo para termos mais garantias, tempo de contrato ser mais respeitado e se quebrar o contrato receber o que é de direito. Enquanto o clube não pagar o que está sendo demitido o próximo não pode atuar dentro do campo, isso já acontece em São Paulo – comentou Ailton Silva.

Aílton Silva Santa Cruz x Itabaiana (Foto: Aldo Carneiro / Pernambuco Press)
Aílton Silva acredita em união dos treinadores (Foto: Aldo Carneiro / Pernambuco Press)
Por Dyego Costa com globoesporte/se

Sobre Diego Reporter

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>